Fundamentos da Técnica Operatória

Centro Cirúrgico: Entenda como funciona!

FINALMENTE!! Chegou a melhor hora da faculdade. Cirurgia! Você concorda? Há quem diga o contrário, mas gostando ou não, todos precisam passar por esse momento. Contudo, você não pode, simplesmente, ir! Tem que entender como funciona toda a dinâmica e estrutura do centro cirúrgico. Mas como eu vou saber sem ir?? CALMA! Aprenda aqui!

O que é o Centro Cirúrgico (CC)?

É a unidade hospitalar onde se realizam as intervenções cirúrgicas, bem como à recuperação pós anestésica e pós operatória imediata.

O CC é constituído de um conjunto de áreas e instalações que permite efetuar a cirurgia nas melhores condições de segurança para o paciente, e de conforto e segurança para a equipe que o assiste.

No centro cirúrgico são consideradas três zonas distintas: de proteção, limpa e estéril.

1. Zona de Proteção:

É a área do centro cirúrgico que está em contato direto com o restante do hospital, dessa forma, estando mais propensa à contaminação.

É nela que se dá toda a entrada e saída de pessoas e materiais do centro cirúrgico.

É composta de:

  • Vestiário:Servirão a todo o pessoal que trabalha no centro cirúrgico. Nesta área, os profissionais trocam suas roupas pelo uniforme do CC. Deve ainda contar com sanitários completos, incluindo local para banho.
  • Área de transferência: É o local de entrada e saída dos pacientes, onde ocorre a troca da maca da enfermaria pela maca do centro cirúrgico através de uma abertura especial na parede. Essa área tem como objetivo impedir a contaminação do ambiente cirúrgico pelas rodas das macas das unidades de internação. Incrível! Tudo pensando nos mínimos detalhes! Tem que ser, né? Imagina se não fosse…

 

  • Expurgo: Área de recebimento, limpeza, desinfecção e guarda de materiais e objetos utilizados no centro cirúrgico, de onde eles seguirão para serem esterilizados e acondicionados para o uso.

 

2. Zona Limpa

É composta pelos setores de apoio e suporte situados no centro cirúrgico.

São eles:

  • Secretaria: É responsável pela parte administrativa.

 

  • Conforto médico: Ambiente destinado aos profissionais no momento em que aguardam a cirurgia. 

OBS: Salas como: Recepção dos pacientes, recuperação pós anestésica, acondicionamento de materiais e esterilização, equipamentos e materiais e de serviços auxiliares também fazem parte da zona limpa do centro cirúrgico.

3.Zona Estéril:

É a parte do CC com menor grau de contaminação, nela só se pode transitar utilizando máscara.

É composta por:

  • Corredor de acesso: Área que dá acesso às salas de cirurgia e onde se encontram os lavabos.

 

  • Lavabo: Áreas onde a equipe faz a escovação das mãos e antebraços antes de entrarem na sala cirúrgica.

 

  • Sala de operação: Local onde ocorre a cirurgia, sendo o mais crítico em relação à assepsia e antissepsia(http://sutura.com.br/assepsia-e-antissepsia-voce-sabe-que-e-importante/). A sala deve dispor de mesa cirúrgica, mesas para instrumental, equipamentos de anestesia e respiração conectados à rede de gases, mesas de apoio para enfermagem e anestesia, foco de luz, negatoscópio, bisturi elétrico e ainda equipamentos específicos.

 

 

PRONTO!! Vimos como funciona o centro cirúrgico. Agora vamos juntar tudo:

  Tudo se encaixou?  Que bom! Já consegue se imaginar trabalhando dentro desse centro cirúrgico?  A ansiedade é muita mesmo, mas para dar tudo certo, precisa fazer a cirurgia corretamente também, né? Para isso, você precisa praticar muuuito sutura. Ah! mas aí só com as peles da sutureskin, né! Peça logo a sua e chegue no centro cirúrgico dominando tudo. 

Fique ligado no nosso blog! Serão sempre postados mais informações para você ficar constantemente atualizado.

Nos acompanhe!! Acesse a nossa Loja virtual da SutureSkin: www.sutureskin.com.br e adquira nossos simuladores para você ficar craque na sutura.

Thainá Lins

 

You Might Also Like