Procedimentos

O guia definitivo sobre Acesso Venoso Central

A técnica de acesso é relativamente simples nas mãos de um médico experiente, mas pode ser desastrosa nas mãos de um aprendiz que não esteja familiarizado com a técnica. Não queira ser esse tipo de aprendiz! Domine a técnica, domine o conteúdo! Continue lendo.

Por que eu deveria fazer o Acesso Venoso Central?

  • Monitorização hemodinâmica;
  • Nutrição parenteral;
  • Colocação de cabo de Marca-passo temporário;
  • Inacessibilidade de veias periféricas;
  • Hemodiálise;
  • Manejo volêmico;
  • Administração de soluções irritantes e concentradas.

O Acesso pode ser realizado de três formas:

  • Veia Jugular Interna ( VJI );
  • Veia Subclávia ( VSC );
  • Veia Femoral.

mmcuidadosintensivos

Agora o mais importante!

Como fazer o Acesso Venoso Central?

  1.  Colocar o paciente na posição de Trendelenburg (15°-30°)

-> Promove a distensão venosa e diminui o risco de embolia gasosa.

       2.  Colocar  coxim no ombro ( dorso, superiror ) e lateralizar a cabeça;

    3. Assepsia/ anti-sepsia;

   4. Localize o local de punção;

* Se for Subclávia:

->Ponto Médio do terço médio da clavícula

*Se for da Jugular interna:

->Ápice do triângulo das inserções do esternocleidomastóideo

      5. Anestesia (Botão anestésico);

->  Lidocaína 1%

-> Subcutâneo e periósteo da borda inferior da clavícula

       6. Punção;

-> Bisel voltado para cima.

*Se for Subclávia:

->Direção: Pressionar com polegar o local da punção e direcioná-la para o fúrcula esternal com indicador. —> Efetuar aspiração contínua e leve: Se vier ar, foi instaurado um pneumotórax (Resolva! Você que fez!)

*Se for Jugular Interna:

->Direção: Agulha  na direção do mamilo ipsilateral e ângulo de 45°

-> Refluxo: Sangue vermelho escuro

    7. Desconecte a seringa e Ocluir orifício externo da agulha

-> Impedir embolia gordurosa

    8. Introduzir o fio-guia

-> NUNCA solte o fio guia

     9. Retirar agulha

    10. Passar o Dilatador;

-> Pode haver incisão 1-3mm para aumentar a largura da punção

 11. Introduzir o cateter através do guia e depois retirar o fio- guia

 12. Conectar equipo

13.  Fazer o testo do refluxo sanguíneo para confirmar a localização do cateter dentro do vaso

 14.  Fixar o cateter com ponto simples (PRECISA DE SUTURA PARA TUDO! COMPRE SUA SUTURESKIN!)

 15. Encaminhar para o Raio X 

-> Para checar o posicionamento do cateter

Fique ligado no nosso blog! Serão sempre postados mais informações para você ficar constantemente atualizado.

Nos acompanhe!! Acesse a nossa Loja virtual da SutureSkin: www.sutureskin.com.br e adquira nossos simuladores para você ficar craque na sutura.

Thainá Lins

 

You Might Also Like